Começou na sexta-feira, a 8º Copa do Mundo de Futebol Feminino, que tem como sede em 2019 a cidade de Paris, na França, e o Brasil terá a sua primeira participação hoje, as 10:30 da manhã (Horário de Brasilia), contra a Jamaica, na cidade de Grenoble.

Os demais jogos da nossa seleção serão:

  • Brasil e Austrália 13/06, às 13h
  • Brasil e Itália 18/06, às 16h

 

 

Mas se você quer saber dos demais jogos, além dos da nossa seleção segue cronograma!!

09 de junho – 10:30h – BRASIL X JAMAICA
10 de junho – 13h – ARGENTINA X JAPÃO
11 de junho – 16h – EUA X TAILÂNDIA
12 de junho -13h – ALEMANHA X ESPANHA
13 de junho – 13h – AUSTRÁLIA X BRASIL
14 de junho – 13h – JAMAICA X ITÁLIA
15 de junho – 15h – CANADÁ X NOVA ZELÂNDIA
16 de junho – 13h – EUA X CHILE
17 de junho – 16h – NIGÉRIA X FRANÇA
18 de junho – 16h – ITÁLIA X BRASIL
19 de junho – 16h – JAPÃO X INGLATERRA
20 de junho – 16h – SUÉCIA X EUA

Os grupos da Copa do Mundo são:

Grupo A: França, Coreia do Sul, Noruega e Nigéria
Grupo B: Alemanha, China, Espanha e África do Sul
Grupo C: Austrália, Itália, Brasil e Jamaica
Grupo D: Inglaterra, Escócia, Argentina e Japão
Grupo E: Canadá, Camarões, Nova Zelândia e Holanda
Grupo F: Estados Unidos, Tailândia, Chile e Suécia

Acompanhe todos os jogos pela Band Sports, disponível entre os canais da MF.COM

 

“Qual é qual é,  futebol não é pra mulher

Eu vou mostrar para você mané

joga a bola no meu pé!!”

 

 

 

 

 

Se tem uma galera que se identifica com todas as facilidades que a internet proporciona, esse são os chamados “Nerds”. Nos anos 80/90 ser nerd não era motivo de orgulho, os nerds da turma constantemente eram motivos de chacota, mas nos anos 2000, com o advento da tecnologia os nerds ascenderam e dominaram o mundo!! Quem não quer um amigo nerd por perto para resolver seus problemas de conexão, ou ate mesmo para te arrumar um emprego, afinal quem nunca ouviu a frase “O Nerd de hoje será o seu chefe amanhã”.
Os nerds além de terem como característica a dedicação pela busca ao conhecimento, e o aprofundamento de seus conhecimentos em determinada área, eles possuem gostos peculiares no cinema e na literatura. E como estamos do dia do orgulho nerd, precisamos falar sobre “O guia do Mochileiro das Galáxias” e de Star Wars.
Se você está lendo este artigo, ou você é um nerd, ou você já reparou que as redes sociais estão repletas de #42 #DiaDaToalha #OGuiaDoMochileoiroDasGalaxias #DouglasAdams, que você não está entendendo nada, mas também não quer ficar por fora do assunto do dia.
Então vamos lá…


Todas essas hashtags são referências a obra literária da Douglas Adams, O Guia do Mochileiro das Galáxias, que conta a história de um garoto que por motivos maiores (não daremos spoilers, leia é legal!!) segue navegando em uma viagem intergaláctica, e dentre as dicas desse guia, está o quanto ter uma toalha em mãos é essencial. Quanto ao número 42, ele é a resposta numérica ao questionamento sobre o sentido a vida ao nosso mochileiro intergaláctico.
Após a morte do autor da obra, em maio de 2001, seus fãs resolveram homenageá-lo. Tentaram encontrar uma data que fizesse alusão ao número 42, diversas datas foram cogitadas, e por fim decidiram que seria dia 25 de maio, “O dia da Toalha”.

Mas essa data guardava uma incrível coincidência, o aniversário da estreia de Star Wars em 1977, o que tornou “O dia da Toalha” no dia do “orgulho nerd”.

Se você quiser saber ainda mais, segue o link da pagina oficial: http://towelday.org/faq/#whydate.

 

 

 

E lembre-se… leve sempre uma toalha.

Para que serve as Hashtags?

A internet nos trouxe uma nova forma de comunicação, no entanto observamos comumente pessoas utilizando algumas ferramentas de forma pouco eficaz, sendo uma delas o uso das hashtags.

As hashtags são utilizadas para indicar o nome do canal a que ela pertence a certo grupo ou assunto, com o objetivo de permitir o acesso de todos a uma determinada discussão ou assunto, sendo assim se você quer ser encontrado por algum assunto em especifico, você utiliza a # em sua publicação, ou se você quer encontrar um assunto, você coloca a # nos canais de busca.

Ainda está muito complicado? Vamos colocar como exemplo o nome da nossa cidade. Quando publicamos um foto tirada em Piedade, seja em uma festa em família, ou referente a um evento em que participamos, ou sobre um trabalho desenvolvido por nós, é comum entre os mais ativos nas redes sociais a marcação da #PiedadeSP, desta forma direcionamos todos os interessados em Piedade para os assuntos relacionados a nossa cidade.

 

Outra hashtag amplamente utilizada nas redes sociais, especialmente no Instagram, começou a aparecer no Twitter em 2012, e faz menção a frase em inglês “Throwback Thursday”   que poderia ser traduzida como uma “quinta-feira para recordar”.

As pessoas costumam utilizar esta marcação para compartilhar com as redes as quais participam, uma lembrança, um momento feliz e até mesmo uma saudade. Existem outros exemplos menos utilizados, mas que também estão presentes nas redes sociais, dentre eles podemos citar #oodt, “Outfit of the day”, que podemos traduzir como “look do dia”, ou o nosso brasileiríssimo #sqn (“só que não”).

Mas é muito comum observarmos pessoas utilizando as hashtags indevidamente, postagens recheadas de hashtags empregadas fora do proposito original, ocasionando apenas um atentado a nossa língua portuguesa, sem que exista um proposito de interesse comum, como por exemplo #partiuacademia… será que existe relevância nas atividades corriqueiras de uma pessoa que não é pública?

O uso indiscriminado dessas ferramentas digitais endossa uma discussão antiga entre os linguistas, que diz respeito ao quando a praticidade da vida digital tem interferido negativamente na capacidade da escrita e comunicação, principalmente entre os jovens.

Saber utilizar a linguagens nas diferentes situações comunicacionais é indispensável, as ferramentas digitais como as hashtags são fantásticas e estão aí para serem utilizadas, mas não podemos substituir a língua formal quando o uso da hashtag não irá produzir efeito algum sobre a rede social e sobre a mensagem que você está publicado, afinal, a intenção de uma mensagem é sempre proporcionar ao seu interlocutor um entendimento, não é mesmo?

E você? Já sabia como utilizar as Hashtags?

Dia Mundial da Internet

O dia mundial da internet é comemorado no dia 17 de maio, desde 2006, segundo uma assembleia realizada em Madri, na Espanha, quando a Organização das Nações Unidas (ONU), em reconhecimento a importância da acessibilidade reconheceu tal data.
Mas o dia 17 de maio inicialmente dizia respeito a celebração de outra conquista, não menos importante, no entanto um tanto quanto curiosa, principalmente para a geração Y que já nasceu conectada.
Em 17 de maio de 1865, vinte países se reuniram para discutir o crescimento do telégrafo, sistema de transmissão de mensagens em longa distância de maneira rápida e confiável. O encontro tinha por objetivo estabelecer acordos de expansão das redes e formar uma conexão internacional.
Com o passar dos anos, das revoluções tecnológicas e da necessidade de promover a inclusão digital, a data passou a ser celebrada como o Dia Internacional da Internet e das Telecomunicações.
Atualmente mais de 4 bilhões de pessoas usam a internet ao redor do mundo, o que significa que a metade da população mundial tem acesso à internet, segundo o relatório Digital In 2018, divulgados pelos serviços online Hootsuite e We are Social.
Segundo o relatório, os países com a maior porcentagem da população conectada são Catar e Emirados Árabes Unidos, ambos com 99%, em seguida temos Kuwait, Bermuda, Bahrain, Islândia, Noruega, Andorra e Luxemburgo, todos com 98% de sua população on line. Na outra ponta extrema temos a Coreia do Norte, com apenas 0,06% (cerca de 16 mil pessoas).
Quanto ao ponto de acesso, o relatório aponta que os dispositivos mobile, os smartfones, representam 52% dos equipamentos utilizados para navegar na rede, contra os 43% dos tradicionais computadores, 4% sendo tablets, enquanto 0,14% outros dispositivos, incluindo os console de vídeo game.
As redes sociais são as atividades que se destacam entre os usuários da internet, sendo que cerca de 95,1% dos usuários do Facebook, acessam o serviço por meio de um smartfone, enquanto apenas 31,8% acessam a partir de um notebook ou um desktop.

E você? Começou a utilizar a internet a quanto tempo? Quais são as suas atividades mais frequentes? Qual a rede social que você mais utiliza? Consegue imaginar a sua vida sem a internet?

Serviço de compartilhamento chega à capital francesa após fazer estreia nos Estados Unidos.

Usain Bolt entrou no segmento de mobilidade lançando sua rede de patinetes elétricos compartilhados. Chamado de Bolt Mobility, o serviço está disponível em algumas cidades americanas e agora chega às ruas de Paris.

O plano da empresa é expandir os patinetes Bolt para 20 cidades europeias até o ano de 2020. No Estados Unidos, os veículos já estão espalhados pelas cidades de For Lauderlade, na Filadélfia, e Alexandria e Arlington, na Virgínia.

O preço para o mercado americano para os patinetes custa a partir de US$ 1 para desbloquear, e mais US$ 0,15 por minuto, ou seja, cerca de US$ 4 por 20 minutos de uso.

TOP